Buscar

CORONAVAC| Idosos esperam a mais de 1 mês a segunda dose da CoronaVac em Arraial do Cabo

Segundo o Instituto Butantan a aplicação deve acontecer entre 14 e 28 dias após a aplicação da 1º dose ou não terá eficácia comprovada



RESPOSTA DO BUTANTAN SOBRE A 2ª DOSE


A aplicação da vacina do Butantan deve acontecer entre 14 e 28 dias. Caso esse prazo seja ultrapassado, não há estudo que confirme a eficácia após o período indicado. Se passar dos 28 dias, é fundamental que a pessoa se dirija a um posto para receber orientações e agendar uma data para completar o esquema vacinal. As duas doses são importantes para que o ciclo de imunização seja completo. As próximas entregas da vacina do Butantan aos estados, estão previstas para serem retomadas na primeira semana de maio.


O Butantan entregou dia 30/04, ao Ministério da Saúde mais 600 mil doses da vacina, totalizando 42 milhões de doses (entre 17/01 e 30/04). E no dia 19/04, chegou no Brasil mais um lote com 3 mil litros de insumos para a produção de 5 milhões de doses. Um segundo carregamento com mais 3 mil litros de IFA – correspondentes a outras 5 milhões de doses -, aguarda autorização para embarque da China e deve chegar nas próximas semanas, totalizando 10 milhões de doses em IFA no mês.


A VOZ DO CABO

''Já fez 1 mês que meu avô tomou coronavac, qual o plano para ele que já expirou o prazo? É questão de lógica guardar a segunda dose das vacinas, isso é uma irresponsabilidade com a população!''. - comentou Débora na página oficial da prefeitura.



''Quero saber da Coronavac! Meu esposo estava marcada a segunda dose para o dia 22/04 até agora não chegou vacina pra Monte Alto, isso é uma falta de planejamento muito grande. Se deu a primeira dose teria que guardar a segunda. Sr Prefeito porque não tem Coronavac em Monte Alto? ''. - comentou Vera na página oficial da prefeitura


''Pouca vergonha! Nesta sexta feira minha vacina perdeu a eficácia, por fazerem 28 dias sem entregarem a 2° dose! Depois quando alguém toma uma atitude agressiva acham que é marginal ou louco. Louco e bandido é quem não tem o menor respeito pela população em risco de vida de sua cidade, suas mães e parentes já devem estar vacinados, com os desvios que todos sabemos que houve os responsáveis por isso são marginais, merecedores de cadeia!'' - Comentou Lia na página oficial da prefeitura.







0 comentário